quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Como Conseguir o Primeiro Emprego: Cadastre-se no programa Jovem Cidadão

Como Conseguir o Primeiro Emprego: Cadastre-se no programa Jovem Cidadão – O programa Jovem Cidadão, é um sistema esplêndido que é coordenado pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do estado de São Paulo, este tem como objetivo principal, beneficiar jovens com idades entre 16 a 21 anos, que estejam cursando o 2º e 3º ano do ensino médio na rede estadual de ensino, para estagiar em diversas empresas ligadas ao programa e conquistar o primeiro emprego.
 Como Conseguir o Primeiro Emprego 01 600x328
O primeiro emprego é só início da jornada de trabalho de todo cidadão (Foto: Divulgação)

Como Conseguir o Primeiro Emprego: Cadastre-se no programa Jovem Cidadão

São muitas empresas que participam do programa, mais de 7.039 empresas fazem a utilização do banco de dados do programa Jovem Cidadão para selecionar estagiários. Uma oportunidade muito boa para que os jovens conquistem seu primeiro trabalho. As empresas procuram dar preferência para estudantes que moram mais próximo da empresa contratante, além do ranking de inscrição
 Como Conseguir o Primeiro Emprego 03 600x400
O salário do primeiro emprego varia de acordo com a carga horária e o contrato (Foto: Divulgação)

Salário e Duração do contrato:

O valor do salário varia de acordo com cada empresa, os salários podem variar de R$ 130 ou também R$ 300, mais benefícios e seguro de acidentes pessoais. O período de trabalho é de quatro a seis horas diárias. O governo tem a obrigação de pagar R$ 65,00  e a empresa de completar a bolsa auxílio com o valor mínimo de R$ 1,89 por hora e mais vale transporte.
Recesso remunerado segue a Lei de Estágio Nro. 11.788 de 23 de setembro de 2008. O estudante também poderá estagiar no período de 7 horas, porém, neste caso a empresa deverá arcar com o vale refeição no valor estipulado pela empresa, ou a própria refeição. O contrato tem validade de seis meses e tem possibilidade de ser prorrogado por mais seis meses.
 Como Conseguir o Primeiro Emprego 04 600x268
O programa Jovem Cidadão ou Jovem Aprendiz já cadastrou milhares de candidatos (Foto: Divulgação)
Segundo a secretaria, em menos de dois meses em 2008, o programa Jovem Cidadão já encaminhou 2.070 jovens estudantes da rede pública estadual da Capital e Grande São Paulo para estágio em mais de 700 empresas que fazem parceria com o programa. E mais, você pode buscar mais informações sobre as inscrições para o jovem cidadão 2015-2016, através do link  Jovem Cidadão – Primeiro Emprego e ver se ainda há tempo para fazer a sua.
O programa tem como meta atender famílias em situação de vulnerabilidade social (elevado número de moradores em suas residências, baixa renda familiar e baixo grau de instrução dos chefes de família). Espera-se que com esta oportunidade o jovem conquiste experiência no mundo do trabalho, além disso o programa enfatiza o aprendizado e a formação do estudante, e com isso a possibilidade de iniciar uma carreira profissional;
Fica por conta do Estado de São Paulo, através da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho, contribuir com:
  • R$ 65,00 (sessenta e cinco reais) do valor de cada bolsa-estágio oferecida por Pessoas Jurídicas de Direito Privado;
  • O pagamento de seguro de vida e acidentes pessoais dos bolsistas;
  • Os custos de gerenciamento/administração do Programa.
O Programa Jovem Cidadão – Meu Primeiro Trabalho funciona assim:
  • São selecionados três jovens inscritos no Programa para cada vaga de estágio. A empresa irá escolher um desses três, através de entrevistas.
Áreas de atuação
  • Administrativa, Financeira e Comercial.
 Como Conseguir o Primeiro Emprego 02 600x334
Faça sua inscrição no programa Jovem Aprendiz e garanta uma vaga (Foto: Divulgação)

Como Inscrever no Programa Jovem Cidadão

A inscrição no programa pode ser feita através do site. Interessados podem estar acessando e cadastrando com os dados para que concorram a uma das vagas de emprego nas empresas cadastradas. Essa é uma oportunidade para o jovens conquistarem experiência e ganharem seu próprio dinheiro. Para fazer o cadastro é simples, confira abaixo o passo a passo:
  1. Acesse o link Cadastro Jovem Cidadão;
  2. Insira as informações no campo à direita: Documento de Identidade (RG), União Federativa (UF), Data de Nascimento;
  3. As inscrições estão abertas para o segundo semestre de 2017.

domingo, 19 de novembro de 2017

Dia da Bandeira

Dia da Bandeira é comemorado anualmente em 19 de novembro. Esta data não é feriado nacional no Brasil.
Nesta mesma data, em 1889, ocorreu a instituição da bandeira republicana nacional como bandeira oficial do Brasil.

Dia da Bandeira no Brasil

No dia 19 de novembro de 1889 o Brasil trocou a antiga bandeira imperial pela bandeira da República. A nova bandeira foi adotada pelo decreto nº 4 no dia 19 de novembro de 1889. O desenho da bandeira brasileira é de Décio Vilares.
No dia 11 de maio de 1992 a bandeira brasileira passou a ter 27 estrelas, no lugar de 22.
A Bandeira do Brasil simboliza a pátria e a união entre os estados e desde o início serviu para aumentar o sentimento de união entre todos os brasileiros.

Atividades para o Dia da Bandeira

Dia da Bandeira é comemorado com várias atividades, onde normalmente se canta o Hino à Bandeira.
  • Faça uma colagem da bandeira brasileira com bolinhas de crepom;
  • Recorte, monte e cole a bandeira usando as cores certas;
  • Cante o Hino à Bandeira;
  • Faça uma peça de teatro sobre o Dia da Bandeira;
  • Crie um poema em homenagem à bandeira brasileira;
Normalmente, como forma de celebrar esta data, escolas, clubes, órgãos governamentais e demais instituições públicas e privadas organizam desfiles ou eventos que visam manifestar o patriotismo e amor pela nação brasileira.

Cores da bandeira do Brasil

As cores oficiais da bandeira brasileira são o verde, amarelo, azul e branco, com a frase "Ordem e Progresso".
Cada cor possui um significado distinto:
  • "branco", significa o desejo pela paz
  • "azul", simboliza o céu e os rios brasileiros
  • "amarelo", simboliza as riquezas do país
  • "verde", simboliza as matas (a rica floresta brasileira)

Hino à Bandeira

Salve lindo pendão da esperança!
Salve símbolo augusto da paz!
Tua nobre presença à lembrança
A grandeza da Pátria nos traz.

Recebe o afeto que se encerra
em nosso peito juvenil,
Querido símbolo da terra,
Da amada terra do Brasil!

Em teu seio formoso retratas
Este céu de puríssimo azul,
A verdura sem par destas matas,
E o esplendor do Cruzeiro do Sul.

Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil,
Querido símbolo da terra,
Da amada terra do Brasil!

Contemplando o teu vulto sagrado,
Compreendemos o nosso dever,
E o Brasil por seus filhos amado,
poderoso e feliz há de ser!

Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil,
Querido símbolo da terra,
Da amada terra do Brasil!

Sobre a imensa Nação Brasileira,
Nos momentos de festa ou de dor,
Paira sempre, sagrada bandeira
Pavilhão da justiça e do amor!

Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil,
Querido símbolo da terra,
Da amada terra do Brasil!



quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Jovem Aprendiz Correios 2018: inscrições

Já estão abertas as inscrições para a edição Jovem Aprendiz Correios 2018, que oferece vagas em todo o Brasil, sendo 5% delas reservadas aos portadores de necessidades especiais. Conforme a nova retificação do processo seletivo todos os anos mais vagas são abertas.
Jovem Aprendiz Correios 2016: inscrições (Foto: Exame/Abril)
Jovem Aprendiz Correios 2017: inscrições (Foto: Exame/Abril)

Jovem Aprendiz Correios 2018

Por meio do processo seletivo, a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) oferece aos jovens, com idades entre 14 e 22 anos, a possibilidade de participar do curso técnico de Auxiliar Administrativo dos Correios, que tem duração de 12 meses, ministrado em unidades do Senai.
Os jovens aprendizes dos Correios têm uma jornada dividida entre as aulas teóricas do curso, que acontecem durante dois dias da semana, e a parte prática, realizada nas unidades da ECT, três vezes na semana. Ao final, eles recebem o certificado de qualificação profissional, emitido conforme o desempenho de cada um.
Veja também aqui: Jovem Aprendiz Inscrições SP
Para se inscrever é preciso que os jovens estejam estudando (Foto: Exame/Abril)
Para se inscrever é preciso que os jovens estejam estudando (Foto: Exame/Abril)

Pré-requisitos

Podem se candidatar às oportunidades oferecidas pelo programa Jovem Aprendiz Correios os jovens que tenham entre 14 e 22 anos de idade, que estejam matriculados e frequentando a escola. Aqueles que já concluíram o ensino médio também estão aptos a concorrer às vagas.
Outro requisito é ter disponibilidade para frequentar as aulas do curso técnico no Senai, além de não ter sido contratado anteriormente como jovens aprendizes dos Correios e/ou ter mantido vínculo empregatício com a ECT.
Para os futuros jovens aprendizes, a empresa oferece bolsa auxílio de R$ 318,26, para uma carga horária de quatro horas diárias (20 horas por semana), além de vale transporte, vale alimentação, assistências médica e odontológica e uniforme (camiseta). O valor da remuneração poderá sofrer alterações em 2017, por isso é importante ficar atento as novas informações.
Milhares de jovens se inscrevem no programa Jovem Aprendiz dos Correios (Foto: Exame/Abril)
Milhares de jovens se inscrevem no programa Jovem Aprendiz dos Correios (Foto: Exame/Abril)

Como se inscrever

As inscrições para o Jovem Aprendiz Correios poderão ser feitas diretamente nos sites dos correios no link: www.correios.com.br.
De acordo com a ECT, todos os inscritos recebem a confirmação do cadastro por e-mail, e, caso isso não aconteça, basta entrar em contato com a instituição, através do serviço “Fale com os Correios”, por meio da internet ou dos telefones 3003-0100 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800-725-7282 (demais localidades).
O processo de seleção envolve a análise da renda familiar mensal, a participação em programas sociais e o rendimento escolar do último ano letivo cursado, entre outros fatores.

Benefícios

Os jovens inscritos terão direito aos seguintes benefícios:
  • programa com duração de dois anos;
  • carga horária reduzida;
  • salário mensal;
  • vale alimentação/refeição
  • vale transporte.
O Jovem Aprendiz Correios traz inúmeros benefícios aos jovens (Foto: Exame/Abril)
O Jovem Aprendiz Correios traz inúmeros benefícios aos jovens (Foto: Exame/Abril)

Como conquistar uma vaga efetiva depois do estágio?

Muitos jovens que começam a trabalhar em grandes empresas, como a dos Correios, busca de tudo para continuar trabalhando com eles. E isso não é a toa, pois conseguem aprender muito desenvolvendo seus papéis dentro da estatal. Por isso, separamos aqui algumas dicas legais para você que deseja se tornar um funcionário efetivo depois e fazer o programa jovem aprendiz Correios.
A primeira dica é você demonstrar seu interesse e para isso você não precisa ficar enchendo o saco e nem correndo atrás do seu superior. A melhor maneira de demonstrar seu interesse é se empenhar nas suas atividades do cotidiano. Além disso, querer aprender ajuda e muito nesta missão. Informação é tudo, então o que é a sua empresa, o que ela faz, quem trabalha nela e o que ela oferece no mercado, é bem importante para conhecer. Então, acompanhe o que está rolando na sua empresa, ma sem fofocar ou algo assim.
Disposição é tudo e se você não tem, busque a ter. Os chefes gostam de pessoas pró-ativas e isso conta muito mesmo para a empresa. Pessoas com este perfil resolvem sabiamente problemas dos mais diversos e ainda lutam de fato pela empresa onde estão. Então, se acabou seu serviço e ainda tem mais tempo para acabar, vá até o seu chefe e converse com ele, peça mais coisas para fazer e adiantar.
Lembre-se que existem muitos cargos no correio que necessitam, para ser efetivado, de concurso público. Se este for o caso, fique atento ao edital, o que estudar e como fazer bem esta prova. Parece bobagem, mas estudar, ainda que se conheça muito, é fundamental para se tornar efetivo num cargo que até então era de estagiário, trainee ou aprendiz.
Veja outros artigos semelhantes a esse:

Inscrições Jovem Aprendiz Caixa Econômica 2018

Estão abertas as inscrições Jovem Aprendiz Caixa Econômica 2018, programa que oferece oportunidades para os jovens interessados em atuar como aprendizes de um dos maiores bancos do país.
 inscricoes jovem aprendiz caixa economica 2017
Inscrições Jovem Aprendiz Caixa Econômica 2018 (Foto Ilustrativa)
Realizado em parceria com o Centro de Integração Empresa Escola (CIEE), esse programa de aprendiz deve disponibilizar pelo menos 1.000 vagas ao longo do ano, em todo o Brasil, fazendo a capacitação de jovens para o mercado de trabalho.
E além da capacitação profissional, o programa também estimula a prática da cidadania e de valores éticos, contribuindo para o crescimento pessoal dos participantes, que poderão adquirir bastante experiência para futuras atuações.

Jovem Aprendiz Caixa Econômica 2018

Programa de Aprendiz Caixa proporciona conhecimentos práticos e teóricos necessários ao desempenho de uma profissão, incluindo a participação em cursos profissionalizantes gratuitos, ministrados por instituições parceiras do banco.
A capacitação profissional oferecida pelo programa é na área de Serviços Bancários e Administrativos, e os contratados para as vagas de aprendiz Caixa podem praticar os conhecimentos adquiridos em sala de aula atuando em uma das agências da CEF.
Ou seja, participar desse programa é uma ótima pedida para quem pretende trabalhar na Caixa, já que os aprendizes têm a possibilidade de conhecer toda a rotina de uma agência bancária, ganhando experiência para futuras atuações.
Programa Adolescente Aprendiz Caixa, como o projeto também é conhecido, oferece benefícios como bolsa-auxílio de um salário mínimo, vale-transporte, auxílio-alimentação, férias e FGTS (2%). A jornada diária é de 6 horas.

Inscrição

Para se inscrever no Programa  é preciso ter o seguinte perfil:
  • Idade entre 14 anos e 6 meses e 16 anos incompletos;
  • Estar cursando, no mínimo, o 9º ano do ensino fundamental ou cursos EJA;
  • Ter renda familiar per capita de até 50% do salário mínimo.
As inscrições para aprendiz CEF podem ser feitas através do site www.ciee.org.br, onde você encontra maiores detalhes a respeito do programa (local das vagas, processo seletivo, prazos, etc).
Maiores informações sobre as vagas aprendiz também estão disponíveis no site do Aprendiz Caixa e através do telefone 0800-726-0101.

10 motivos para ser um jovem aprendiz Caixa

Os programa de jovem aprendiz, como o da Caixa, trazem inúmeros benefícios. Se você pretende se inscrever em um deles, confira algumas das vantagens.
1) Mercado de Trabalho
Primeiro sempre é desafiador, mas quem faz parte do programa ingressa no mercado de trabalho com muito apoio e auxílio, já que inicia sendo uma espécie de estagiário e pode crescer profissionalmente.
2) Qualificação profissional
Muitos jovens ainda não optaram por qual carreira seguir, mas se começaram a trabalhar desde cedo terão oportunidade de aprimorar o conhecimento e qualificação profissional.
3) Possibilidade de efetivação
Muita gente é contratada após fazer o programa de aprendiz. Isso ocorre a partir do empenho dentro da instituição e se for notório, com certeza terá grandes oportunidades, pois já conhece o esquema de trabalho da empresa.
4) Base para estudos
É trabalhando por meio do programa que o estudante pode, desde cedo, ter acesso a tudo que deseja, seja comprar um videogame ou até mesmo juntar dinheiro para a faculdade.
5) Convênios
Muitas empresas fazem convênios de saúde e isso é bom para quem antes não tinha acesso à serviços de qualidade. Por isso, use essa ferramenta sempre que for necessário, cuide da sua saúde e trabalhe com dedicação.
6) Todos ganham com sua contratação
Contratar um jovem aprendiz é extremamente importante para todos, a começar pela empresa, que além de custos reduzidos, demonstra ali sua preocupação com a capacitação profissional. Para o país, o jovem pode ser melhor preparado para o mercado de trabalho. Para você, todas as vantagens que citamos acima.
7) Profissionais para instruir
Quem está começando no mercado de trabalho tem muitas dúvidas, mas pode ficar tranquilo, pois você contará com o apoio de um profissional para orientar, mostrar os caminhos e como lidar com os desafios que ainda virão.
8) Carga horária
Quem estuda pode ter no máximo 6 horas por dia de jornada de aprendiz, ao contrário, sem os estudos, o jovem pode exercer sua função por até 8 horas diárias. Independente disso, esse período é suficiente para você estudar, trabalhar e descansar.
9) Ministério do Trabalho
Ninguém faz um contrato de jovem aprendiz sem seguir as orientações do Ministério do Trabalho. É justamente por este sistema que todos os direitos do jovens aprendizes estão garantidos, constando inclusive o trabalho na carteira profissional. Ao ser contratado, leia bem o contrato e verifique se está tudo certo.
Lembre-se, são seus direitos que estão em jogo e desde cedo é preciso começar a trabalhar pensando nos direitos e deveres que você tem para cumprir.
10) Parcerias importantes
Algumas empresas oferecem o programa jovem aprendiz por conta própria, enquanto outras fazem parcerias com instituições que oferecem o curso profissionalizante, como o Senai. Muitos estudantes procuram o curso porque desejam ingressar no mercado de trabalho e entendem a importância dessa relação da instituição de ensino com a empresa que quer contratar.
Em muitos casos, o que conta é o desempenho do aluno dentro desses dois ambientes, portanto estude e dedique-se ao trabalho, tenha metas e objetivos para alcançar resultados importantes nesta fase inicial da vida.

7 sementes amigas do coração

O que têm em comum a linhaça, a chia e a quinua? Juntamente a outras, elas fazem parte do seleto grupo de 7 sementes amigas do coração, alimentos bastante versáteis, práticos e saudáveis, que trazem vários benefícios para a sua saúde.
7 sementes amigas do coração
7 sementes amigas do coração (Foto: Pixabay)
Doenças cardiovasculares são a causa da morte de milhões de pessoas a cada ano, em todo o mundo. Uma das maneiras de reduzir esse número é investir em uma alimentação saudável e que contribua, principalmente, para diminuir o colesterol ruim, que em altas concentrações favorece o acúmulo de placas de gordura nas artérias.
Entre os alimentos que possuem esse potencial, vale destacar as sementes. A seguir, vamos conhecer 7 sementes que auxiliam no controle do colesterol e ajudam a reduzir os riscos de infarto e derrame. Confira!

1- Linhaça

Grande fonte de ômega 3, a semente de linhaça é um alimento funcional e antioxidante, que contribui para controlar os níveis de colesterol e regular a pressão sanguínea, além de ótima para reduzir o stress e deixar a pele mais saudável.
Rica também em fibras lignanas, ela atua ainda no aumento da saciedade, no melhoramento do trato intestinal e na redução da absorção de açúcar no intestino, controlando a diabetes.
7 sementes amigas do coração
A linhaça regula os níveis de colesterol (Foto: Pixabay)

2- Chia

Fonte de vitaminas do complexo B e minerais como zinco, ferro, fósforo e potássio, entre outros, essa semente poderosa auxilia na prevenção e tratamento de doenças cardiovasculares, reduzindo os efeitos dos radicais livres prejudiciais ao coração.
Ela também promove a saciedade, tem ação laxativa e combate a osteoporose.

3- Semente de Girassol

Trazendo grandes quantidades de vitamina E, um poderoso antioxidante, essa semente atua na redução do mau colesterol e protege o corpo contra a ação de radicais livres.
Os benefícios da semente de girassol incluem ainda a prevenção de vários tipos de câncer, a desintoxicação do organismo e o controle da tensão pré-menstrual.

4- Gergelim

Sua principal atuação também é na redução do colesterol no sangue, mas o gergelim possui ainda propriedades anticancerígenas e antioxidantes, além de melhorar o funcionamento do intestino.

5- Quinua

Livre de gorduras saturadas e colesterol, a quinua é uma semente adorada por nutricionistas e especialistas em saúde, devido ao seu alto valor nutricional e funcional.
Ela não só é amiga do coração, como também melhora a absorção de cálcio nos ossos, favorece a memória e facilita a liberação de serotonina no cérebro, substância que aumenta a sensação de bem-estar.

6- Semente de abóbora

Contando com boas doses de magnésio e potássio, a semente de abóbora é grande aliada da saúde do coração, contribuindo, entre outras coisas, para regular o fluxo sanguíneo.
7 sementes amigas do coração
A semente de abóbora é outra grande aliada da saúde cardíaca (Foto: Pixabay)

7- Amaranto

Entre as 7 sementes amigas do coração, vale destacar ainda o Amaranto, que possui grande capacidade de reduzir a pressão arterial e também o colesterol, contribuindo para a boa saúde do órgão.
Suas propriedades naturais incluem também o combate aos radicais livres, o aumento da oxigenação do metabolismo e o reforço do sistema imunológico, prevenindo uma série de doenças.

Proclamação da República

Dia da Proclamação da República do Brasil é comemorado anualmente em 15 de Novembro e é considerado um feriado nacional.
A Proclamação da República do Brasil foi decretada em 15 de Novembro de 1889, sendo este o momento em que o regime republicano foi instalado no país, derrubando a monarquia constitucional parlamentarista do Império e acabando com a soberania de Dom Pedro II, imperador do Brasil naquele tempo.
A Proclamação da República aconteceu no Rio de Janeiro, a antiga capital do país, por um grupo de militares liderado pelo Marechal Deodoro da Fonseca, que deu um golpe de estado no Império.
Marechal Deodoro da Fonseca instituiu uma república provisória e se consagrou o primeiro presidente do Brasil. A partir desse momento, a população poderia eleger os seus governantes, através de voto direto.
O Brasil era considerado o único país independente do continente americano que ainda era governado por um imperador. A independência do país já havia sido conquistada em 7 de setembro de 1822, através do decreto de D. Pedro I.
Saiba mais sobre a Independência do Brasil.

Origem da Proclamação da República do Brasil

Durante a Guerra do Paraguai, os militares brasileiros acabaram tendo contato com combatentes de outros países, o que os levou a aprofundar o conhecimento em outros regimes políticos.
Os militares começaram a criar um interesse muito grande pelo ideal republicano e a Guerra só evidenciou o quanto suas carreiras eram desvalorizadas, pois não tinham autonomia nenhuma, uma vez que eram comandados pelo Imperador.
Além disso, o crescimento da classe média nos grandes centros urbanos do país, fazia com que a população começasse a sentir uma maior necessidade de intervir de modo mais direto nos assuntos políticos da nação.
As oposições ao Império também partiram da igreja, pois este impôs interferências diretas no sistema organizacional do clero no Brasil, provocando um grande descontentamento nos bispos, padres e demais membros da Igreja Católica.
Mas, o que salientou e potencializou o movimento republicano foi a abolição da escravatura, através da Lei Áurea de 1888.
Os grandes proprietários rurais escravocratas também passaram a se opor ao império, pois não receberam nenhum tipo de imunização pela perda de posse dos seus escravos. Assim, quase todos os principais grupos sociais existentes naquela época começavam a partilhar a vontade de recusar as interferências impostas pelo império e garantir a liberdade política total.

Atividades para o Dia da Proclamação da República

Normalmente, em comemoração a Proclamação da República, a maioria das escolas brasileiras realizam atividades em homenagem a data em que a República foi instituída no país.
Dentre as principais atividades feitas durante o dia da Proclamação da República, destaca-se:
  • Fazer desenhos temáticos;
  • Criar e organizar peças teatrais ou musicais;
  • Escrever redações sobre a democracia ou a República;
  • Escrever poemas ou canções sobre o assunto;
  • Desfilar em homenagem à Pátria;
  • Cantar o Hino Nacional e da Proclamação da República;
  • Assistir filmes que discutam temas ligados a importância da democracia;
  • Fazer um jogo de perguntas e respostas sobre o episódio da Proclamação da República Brasileira;

Hino da Proclamação da República

A letra do Hino da Proclamação da República foi escrita por Medeiros de Albuquerque, e a música composta por Leopoldo Miguez.
Hino à Proclamação à República do Brasil
Seja um pálio de luz desdobrado.
Sob a larga amplidão destes céus
Este canto rebel que o passado
Vem remir dos mais torpes labéus!
Seja um hino de glória que fale
De esperança, de um novo porvir!
Com visões de triunfos embale
Quem por ele lutando surgir!
Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós!
Das lutas na tempestade
Dá que ouçamos tua voz!
Nós nem cremos que escravos outrora
Tenha havido em tão nobre País...
Hoje o rubro lampejo da aurora
Acha irmãos, não tiranos hostis.
Somos todos iguais! Ao futuro
Saberemos, unidos, levar
Nosso augusto estandarte que, puro,
Brilha, ovante, da Pátria no altar!
Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós!
Das lutas na tempestade
Dá que ouçamos tua voz!
Se é mister que de peitos valentes
Haja sangue em nosso pendão,
Sangue vivo do herói Tiradentes
Batizou este audaz pavilhão!
Mensageiros de paz, paz queremos,
É de amor nossa força e poder
Mas da guerra nos transes supremos
Heis de ver-nos lutar e vencer!
Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós!
Das lutas na tempestade
Dá que ouçamos tua voz!
Do Ipiranga é preciso que o brado
Seja um grito soberbo de fé!
O Brasil já surgiu libertado,
Sobre as púrpuras régias de pé.
Eia, pois, brasileiros avante!
Verdes louros colhamos louçãos!
Seja o nosso País triunfante,
Livre terra de livres irmãos!
Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós!
Das lutas na tempestade
Dá que ouçamos tua voz!